quarta-feira, 9 de janeiro de 2013

NOVA ORTOGRAFIA: ADIADA DATA DEFINITIVA DA ENTRADA EM VIGOR DO ACORDO ORTOGRÁFICO


O Governo Federal adia para 2016 a entrada em vigor do Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa.


O novo prazo, 1º de janeiro de 2016, está registrado no Decreto Presidencial 7875/2012, assinado pela presidente Dilma Rousseff e publicado no Diário Oficial da União, em 28 dezembro de 2012.

A decisão surpreendeu o país, pois a obrigatoriedade da unificação ortográfica já estava prevista, desde 30 de setembro 2008 (decreto 6.583/08), para entrar em vigor em janeiro de 2013.  E, em função disso, as novas regras passaram a ser utilizadas a partir de 2009, mesmo em caráter não obrigatório.

Assim a “nova ortografia” vinha sendo empregada em materiais de divulgação, livros, periódicos, revistas de grande circulação, além de ter sido adotada em concursos públicos, inclusive pelo ENEM.

Da mesma forma, a adequação dos livros didáticos teve início em 2009, ao iniciar-se o período de transição.

Mas, para a senadora Ana Amélia (PP-RS), o tempo de adaptação às novas regras era curto, e “[...] a prorrogação do prazo permite esclarecer as dúvidas sobre as novas regras, além de ampliar o debate e aprofundar o entendimento entre especialistas, educadores e estudantes. Ela participou da definição do novo prazo, integrando o grupo interministerial formado por representantes dos Ministérios das Relações Exteriores, da Educação e da Casa Civil.”

Portanto, a partir da promulgação do decreto 7.875/2012 até 31 de dezembro de 2015,  as duas normas coexistirão, a norma ortográfica atualmente em vigor e a que foi estabelecida pelo acordo, assinado em 1990 e ratificado pelo governo brasileiro em setembro de 2008.

LEIA TAMBÉM:  Síntese da Cronologia do Novo Acordo Ortográfico

Um comentário:

Amandinha disse...

Por favor a questão seguinte foi aplicada em um Concurso no qual eu participei.

Identifique a alternativa em que todas as palavras estão grafadas no plural corretamente:
a)Os superávits; os cicerones; as toaletes, os shows, os bibelô.
b)Os superávits; os cicerones; as toalete, os shows, os bibelôs.
c)Os superávits; os cicerones, as toaletes; os shows; os bibelôs.
d)Nenhuma das alternativas está correta.

a minha resposta foi a letra c.
na primeira divulgação do gabarito a resposta correta era a letra c depois com recurso alteraram para a letra d.

acredito que alteram para a letra d, porque de acordo com com o novo Acordo Ortográfico a palavra superávit voltou à sua grafia latina (esta, agora, na lista de estrangeirismos do "Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa", documento que registra a grafia oficial das palavras no território brasileiro).

Dessa forma, perdeu o acento e passou a ser tratada como termo latino. Perdeu, portanto, o "s" de plural e passou a ser tratada como nome de dois números. Temos, agora, "o superavit", "os superavit" - sem o "s" de plural.

Mas de acordo com com o Decreto nº7.875 de 27/12/2012 o novo Acordo Ortográfico foi adiada para início de 2016 sendo assim as duas formas de escrita coexistirão até 12/2015, Superávit sem o plural e Superávits com o s de plural. Sendo assim a resposta C é considerada correta também, neste caso coexistirão duas respostas corretas a letra D e C.

è isso mesmo Professora.