quinta-feira, 23 de junho de 2011

NOVA ORTOGRAFIA: hífen com prefixos pós-pré- e pró-

Emprega-se o hífen em palavras formadas pelos prefixos pós-, pré- e pró- quando forem tônicos, acentuados e conservarem autonomia vocabular.

Exemplos:
pós-eleitoral
pós-graduação
pós-guerra
pós-parto
pós-escrito
pós-estruturalismo
pós-moderno
pós-nupcial
pós-socrático
pré-estreia
pré-eleitoral
pré-escola
pré-fabricado
pré-contrato
pré-aviso
pré-câncer
pré-diabetes
pré-jurídico (mas, prejulgamento)
pré-lançamento
pró-americano
pró-análise
pró-ativo
pró-forma
pró-memória

 É o que consta na Base XVI do Novo Acordo, a qual se refere aos casos em que se emprega o hífen: "Nas formações com prefixos tónicos/tônicos acentuados graficamente pós-, pré- e pró- quando o segundo elemento tem vida à parte (ao contrário do que acontece com as correspondentes formas átonas que se aglutinam com o elemento seguinte): pós-graduação, pós-tónico/tônico (mas pospor); pré-escolar, pré-natal (mas prever); pró-africano, pró-europeu (mas promover)".

Fonte: Escrevendo pela nova ortografia: como usar as regras do novo acordo ortográfico da língua portuguesa/Instituto Antônio Houaiss/coordenação e assistência de José Carlos Azeredo. - 2 ed. - São Paulo: Publifolha, 2008, p. 97.

8 comentários:

Anônimo disse...

Muito complicado explicar por que «pré-fabricar» (com hífen) a par de «prejulgar» e «predeterminar» (sem hífen). Não me ficou clara essa história de segundo elemento com «vida à parte». Por acaso «julgar» e «determinar» não possuem vida autônoma da língua? (Alberto Medeiros — Natal, RN)

Anônimo disse...

Também não entendi a explicação... fiquei na mesma!

Anônimo disse...

E eu?

walter xerife disse...

Não era melhor mudar a lingua portuguesa pela chinesa ou inglesa?

walter xerife disse...

Não era melhor mudar a lingua portuguesa pela chinesa ou inglesa?

Eduardo kenzo oshiro disse...

Walter
Não é tão simples assim. Imagine o trabalho que daria se mudássemos a língua oficial brasileira inteira. Daria muito trabalho (ainda mais pelo fato de várias pessoas no Brasil não saberem falar nenhuma das duas línguas)e também parte da cultura brasileira seria perdida.

Anônimo disse...

Amigos...Leiam o título: Devem ser acentuados... pré, pós, pró... Todos tem acento com tonicidade explícita!!!

lucinéia disse...

Além disso, sem a tonicidade e sem serem acentuados esses prefixos, perdem a autonomia passando a compor a palavra como um todo sem hifen... Ex: Predeterminar (Não há independência tônica).